Sargento especialista em suprimento: áreas de atuação, remuneração e mais!

Sargento especialista em suprimento: áreas de atuação, remuneração e mais!

Atualmente os profissionais em logística estão sendo cada vez mais requisitados nas empresas, mas você sabia que a logística tem origem no mundo militar? Conheça mais sobre o sargento especialista em suprimento formado pela EEAR, nesse artigo que o Estratégia Militares preparou para você!

Inscreva-se em nossa newsletter!

Receba notícias sobre os mais importantes concursos para as Forças Armadas brasileiras e informações sobre o mundo militar!

Logística na Força Aérea

A logística é uma parte fundamental para o bom andamento das operações da Força Aérea Brasileira, pois é por meio dela que os serviços e o apoio chegarão a quem precisa. Se os materiais aeronáuticos não forem separados e enviados em tempo hábil, as operações aéreas podem ser impactadas negativamente.

O que faz um sargento especialista em suprimento?

Assim sendo, o sargento especialista em suprimento, também chamado de BSP, integra o quadro de especialidades básicas da FAB.  O militar é responsável por zelar pelo controle e distribuição do material aeronáutico, além do apoio logístico destinado à manutenção de aeronaves e equipamentos. 

O estoque de todas as peças do avião é controlado pelos militares da área de suprimento. Eles têm a função de manter as peças armazenadas de forma correta a fim de que, quando houver a necessidade de algum material aeronáutico, esse esteja em condições de ser utilizado pelas aeronaves.

Onde o sargento especialista de suprimento pode trabalhar?

O sargento especialista em suprimento pode trabalhar em unidades de suprimento de aviação, intendência, eletrônica e material bélico, com a função de apoiar as unidades aéreas. Eles podem trabalhar nos parques de material aeronáutico ou como membros das diretorias e comissões de compras.

Como é a rotina do sargento especialista de suprimento?

O dia a dia do sargento especialista em suprimento está ligado à atividade logística, ou seja, receber material aeronáutico, controlar os estoques e distribuir para outras unidades da FAB que necessitem.

Todas as atividades logísticas, estoques e requisições das unidades da FAB são interligados pelo sistema interno SILOMS – Sistema Integrado de Logística de Material e Serviços, que possibilita que uma unidade na região norte, por exemplo, possa requisitar uma peça de aeronave que esteja em Brasília. 

Sargento especialista em suprimento
Divulgação: S2 A.Soares / Força Aérea Brasileira

Há ainda, a subseção de contabilização, onde o especialista cuida da parte financeira. Nessa seção ele opera o SIAFI – Sistema Integrado de Administração Financeira, regulado pela SEFA – Secretaria de Finanças da Aeronáutica.

Após 10 anos na carreira, o sargento especialista em suprimento pode participar do concurso interno para o Curso de Formação de Oficiais Especialistas (CFOE), realizado no CIAAR – Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica – localizado em Lagoa Santa (MG).

Como é a formação de um sargento especialista em suprimento?

Na Escola de Especialistas da Aeronáutica (EEAR), o aluno aprenderá sobre transportes, distribuição de materiais e tudo que envolve a área logística. As três primeiras séries da Escola, que têm duração de um ano e seis meses, são compostas de aulas voltadas às teorias logísticas

Já na quarta série, o aluno tem aulas voltadas à prática, principalmente na operação do SILOMS.

Durante os dois anos de EEAR, o aluno estudará na primeira série:

-Regulamentos;

-Armamentos; 

-Educação Física;

-Língua Portuguesa I

-Língua Inglesa I;

-Estatística;

-Doutrina para suprimento;

-Organização para suprimento no SISMA;

-Sistema básico de aeronaves; e 

-Segurança de voo.

Já na segunda série, o aluno da especialidade de suprimento estudará:

-Regulamentos;

-Armazenagem de suprimentos;

-Organização de Suprimento no SISCEAB;

-Organização de Suprimento no SISMAB;

-Suprimento de combustíveis e lubrificantes de aeronaves;

-SILOMS;

-Módulos de transporte; e

-Publicações de suprimentos.

Na terceira série, o aluno estudará:

-Regulamentos;

-Língua Portuguesa II;

-Redação;

-Ordem técnica em suprimentos;

-Desembaraço alfandegário; e

-Obtenção e controle de suprimentos;

Já na quarta série, próximo à formatura de conclusão de curso, o aluno estudará:

-COES – Comunicação Oral e Escrita;

-Controle mecanizado de suprimento;

-Fiscalização de material; e

-Inglês técnico para suprimento.

O perfil que o candidato à especialidade de suprimento deve ter é se interessar pela visão estratégica dos processos e pela tecnologia, liderança, raciocínio lógico e conhecimentos sobre gestão. Além disso, é necessário ser flexível, organizado e dinâmico.

Sargento especialista em suprimento
Divulgação: S2 A.Soares / Força Aérea Brasileira

Qual a remuneração do aluno do curso de suprimento da EEAR?

O aluno do curso de suprimento da EEAR recebe o soldo, que é regulamentado pelo Estatuto dos Militares. Atualmente, o soldo é de R$ 1.066,00, depositado na conta bancária do aluno no primeiro dia útil de cada mês. Você pode acessar a tabela dos soldos militares aqui. 

Quanto ganha um sargento especialista em suprimento na FAB?

A remuneração referente à função de sargento especialista em suprimento varia, visto que o valor depende da graduação e do posto do integrante da Força Aérea. Vale ressaltar que o soldo é apenas a base do salário do militar. 

Junto ao soldo são pagos diversos valores adicionais pela função desempenhada. No entanto, existem alguns descontos referentes aos serviços hospitalares, pensão militar, entre outros. Atualmente, o soldo-base varia de R$ 3.825,00 à R$ 6.169,00, para os graduados.

Bônus de localidade especial

Além do valor adicional pago pela habilitação como militar da ativa, em localidades especiais, como o norte do país (Manaus, Boa Vista), existe o adicional de 20%. Os bônus de habilitação como militar e de localidade especial são cumulativos, podendo chegar aos 40% de adição ao salário.

O que é o CFOE?

Uma grande oportunidade que a especialidade oferece ao militar após dez anos de formado é o CFOE – Curso de Formação de Oficiais Especialistas. Nele, o militar tem a chance de concorrer somente com os companheiros de sua especialidade a uma vaga para se tornar um oficial de carreira. 

Se for aprovado pode chegar até à patente de Coronel especialista em suprimento.

O concurso para o CFOE – Curso de Formação de Oficiais Especialistas é um exame interno da Aeronáutica, destinado aos sargentos de carreira de especialidades básicas. O curso é muito concorrido por ser de nível nacional, ter poucas vagas e porque a prova tem alto grau de dificuldade. 

Para chegar ao oficialato, o candidato vai para Lagoa Santa, em Minas Gerais, onde fica dois anos internado no CIAAR – Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica. Ao final desse período, ele é habilitado como oficial especialista em suprimento.

O que é o EAOF?

Caso o sargento não seja aprovado ou não tenha interesse em ingressar no CFOE, ele pode, ao final da sua carreira como primeiro sargento ou suboficial, ingressar no EAOF – Estágio de Adaptação ao Oficialato. Nele, será julgado por uma comissão que avaliará toda a carreira do militar a fim de aprová-lo para ingresso no oficialato ou não.

O EAOF é realizado no CIAAR – Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica – em Lagoa Santa (MG). No local, o militar recebe durante 90 dias instruções sobre a vida de oficial. Ele poderá chegar até a patente de Capitão especialista.

Escola de Especialistas da Aeronáutica – EEAR

Atualmente a EEAR está localizada no interior do estado de São Paulo, na cidade de Guaratinguetá. Ocupa um espaço de aproximadamente 10 milhões de metros quadrados, com uma área construída superior a 119 mil metros quadrados. 

O local conta com 93 prédios administrativos e 416 residências, sendo uma das maiores instituições de ensino da América Latina. O primeiro exame de seleção na EEAR é datado de 1951.

Agora que você sabe sobre o sargento especialista em Administração da FAB, acesse os nossos cursos e se prepare para a EEAR com o Estratégia Militares. Clique no banner abaixo e saia na frente, rumo a sua aprovação! Vem ser Coruja!

CTA-Volta-as-aulas-EM-Ultimo-Lote.jpg

Veja também

Você pode gostar também