Colégio Naval ou EPCAR: qual escolher?

Colégio Naval ou EPCAR: qual escolher?

Os concursos para ingresso no Colégio Naval e na EPCAR são considerados um dos mais difíceis, a nível fundamental, do Brasil. Ambos os certames proporcionam aos aprovados uma formação de nível médio de excelência, além de prepará-los para o ingresso no oficialato de carreira da Marinha do Brasil e da Força Aérea. 

Muitos concurseiros conciliam o estudo para esses dois certames, conseguindo inclusive a aprovação em ambos. Por outro lado, existem estudantes que gostam de realizar um estudo específico, mirando em apenas um edital. 

A fim de ajudar os concurseiros que estão na dúvida de qual das duas carreiras mais se enquadram com o seu perfil, o Estratégia Militares preparou um post com as principais informações a respeito do Concurso para o Colégio Naval e para EPCAR!

Inscreva-se em nossa newsletter!

Receba notícias sobre os mais importantes concursos para as Forças Armadas brasileiras e informações sobre o mundo militar!

Concurso para ingresso no Colégio Naval

O processo seletivo para ingresso no Colégio Naval acontece por meio de concurso público anual. O certame disponibiliza mais de 100 vagas para ambos os sexos e, para concorrer a uma delas, o candidato deve possuir nível fundamental completo, no ano da matrícula.

Além disso, o candidato deve se atentar aos requisitos impostos pelo edital. Seguem os principais:

  • Ser brasileiro nato;
  • Possuir 15 anos e menos de 18 completos, no dia 30 de junho do ano da matrícula;
  • Ter autorização do responsável legal para ingressar na Marinha do Brasil;
  • Possuir CPF; e
  • Ter altura superior a 1,54 m e inferior a 1,95 m.

A prova é aplicada em dois dias seguidos, com duração máxima de 5 horas em cada. A avaliação feita no primeiro dia possui a seguinte configuração:

  • Matemática: 20 questões; e 
  • Inglês: 20 questões.

No segundo dia, os candidatos são avaliados pelas seguintes disciplinas:

  • Português: 20 questões;
  • Estudos sociais (Geografia e História do Brasil): 12 questões; 
  • Ciências (Química, Física e Biologia): 18 questões; e
  • Redação.

Os candidatos que obtiverem melhor classificação avançam para as demais etapas, que são apenas eliminatórias. Dentre elas, destacam-se:

  • Inspeção de saúde;
  • Teste de aptidão física composto por natação e corrida; e
  • Avaliação psicológica.

Como é a formação no Colégio Naval?

Após a conclusão de todas as etapas, os candidatos classificados dentro do número de vagas ingressam no Colégio Naval, sediado na cidade de Angra dos Reis (RJ), como militares da ativa, sendo considerados praças especiais. 

Nele é ministrado o Curso de Preparação de Aspirantes, cujo objetivo é preparar o aluno tanto intelectualmente quanto fisicamente para o ingresso na Escola Naval. 

O curso, em regime de internato, tem a duração de 3 anos e é dividido em Ensino Básico, correspondente ao ensino médio regular, e Ensino Militar-Naval, que é o responsável pela iniciação do aluno ao mundo militar. 

Durante todo o curso o aluno receberá acompanhamento médico e odontológico, fardamento, um soldo no valor de R$ 1.185,00 e várias outras vantagens inerentes à carreira militar. 

Os formandos, além do diploma de nível médio, têm a opção de ingresso na Escola Naval, onde ocorre o Curso de Formação de Oficiais (CFO).

Concurso para ingresso na EPCAR

O concurso admissional da Escola Preparatória de Cadetes do Ar também oferece mais de 100 vagas anuais para ambos os sexos. Para concorrer a uma delas, o candidato deve se atentar aos requisitos do edital. Seguem os principais:

  • Ser brasileiro nato;
  • Não possuir menos de 14 anos, nem completar 19 anos até o dia 31 de dezembro do ano da matrícula; e
  • Se menor de 18 anos, estar autorizado pelo seu responsável legal para participar de todas as etapas do certame.

A prova de caráter eliminatório e classificatório pode ser realizada em, no máximo, 5 horas e 20 minutos. Ela é composta pelas disciplinas de Matemática, Inglês e Português, sendo 16 questões de múltipla escolha para cada uma. Além disso, os candidatos devem fazer uma redação.

Os candidatos que obtiverem melhor pontuação nessa etapa avançam para as demais, das quais destacam-se:

  • Concentração intermediária: é onde os candidatos receberão instruções sobre as demais etapas. Ela ocorre de forma presencial. 
  • Inspeção de saúde;
  • Avaliação psicológica; e
  • Teste de aptidão física: composto por provas de corrida, flexão e abdominal.

Como é a formação na EPCAR?

Os candidatos que, ao final de todas as etapas, estiverem dentro do número de vagas estabelecido no edital, ingressam na Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), localizada na cidade de Barbacena (MG).

A formação é equivalente ao ensino médio e tem a duração de 3 anos. Nela os alunos já são considerados militares da ativa e se preparam para o seu futuro ingresso na AFA. Eles também têm direito ao soldo de R$ 1.185,00 e a todas as vantagens da carreira militar, como: assistência médica e odontológica, fardamento, alojamento, etc.

O ingresso na AFA é precedido por uma exigente Inspeção de Saúde e os aprovados são matriculados no Curso de Formação de Oficiais Aviadores (CFOAV), com duração de 4 anos.

Tanto o Colégio Naval quanto a EPCAR são grandes oportunidades para os jovens brasileiros. Nesse post foram apresentados alguns aspectos que dizem respeito ao concurso público e a carreira que cada uma pode trilhar de acordo com a sua escolha.

Caso você já esteja se preparando para esses concursos e gosta de estudar por questões, não deixe de conhecer nosso Banco de Questões, ferramenta que conta com milhares de questões de diversos concursos militares. Clique no banner abaixo e confira!

CTA - Colégio Naval

Veja também

Referências:

Você pode gostar também